Como armazenar vinhos em casa?

| Artigo escrito pela especialista de vinhos Maria João de Almeida

 

 

 

NÃO guarde as garrafas de vinho na cozinha! É aí que as tem, não é? A cozinha é, tal como o quarto de banho, a divisão da casa com maiores oscilações de temperatura, o que não é nada bom para o vinho. Uma temperatura constante é um dos fatores mais importantes no armazenamento de vinhos. Quanto mais fresco o vinho se mantiver, mais lentamente evoluirá, evitando que se estrague.

 

A melhor temperatura para o guardar é entre os 10ºC e os 15ºC, num nível de humidade entre os 60 e os 80 por cento. Além disso, os vinhos devem também ser guardados num local escuro e arejado, com boa circulação de ar e livre de cheiros que possam alterar o seu sabor.

Armazenar vinho

Caso não tenha estas condições, defina as suas reais necessidades.

- Se vai beber o vinho no espaço de umas semanas e não tiver onde o guardar senão na cozinha, prefira guardá-lo nas zonas mais baixas da divisão, porque o calor sobe.

- Se a quantidade de garrafas para guardar for pequena, o ideal será fazer um pequeno investimento e comprar uma cave de temperatura controlada. Existem vários no mercado, veja e adquira o que for mais adequado ao seu bolso e ao espaço que tem em casa.

- Se a quantidade de vinhos a armazenar for grande, uma boa ideia será aproveitar os locais da casa com menores oscilações de temperatura: despensas, vãos de escada, debaixo da cama, a garagem ou uma arrecadação.

Locais a evitar guardar vinhos

Locais a evitar guardar vinhos

  • Na cozinha,
  • no sótão ou nas águas furtadas,
  • junto a aquecedores ou salamandras,
  • junto a máquinas de lavar ou de secar roupa, frigorífico ou outros aparelhos que transmitam calor, humidade ou vibrações.

Nota Importante:

Vinhos brancos, rosés, tintos e espumantes deverão ser armazenados deitados, para que o vinho fique em contacto com a rolha (que incha, evitando a oxidação do vinho). Já os vinhos generosos que envelhecem por oxidação (Porto Tawny, Madeira, Moscatel) podem ser guardados de pé, exceto no caso dos Portos Vintage e LBV, destinados a envelhecer em garrafa, e por isso deverão ser deitados.  

 

 

Se gostou deste artigo, sugerimos que leia também: Vamos harmonizar vinho com comida?

MAIS PARA DESCOBIR, TODOS OS DIAS