semear e plantar na primavera

Semear e plantar na primavera

Abóboras, alfaces, beterrabas, espinafres, cebolas, coentros, salsa e tomate são apenas algumas das espécies a semear e plantar na Primavera.

 

Sugestão: Use sementeiras para ter a certeza de que controla o ambiente onde a semente se está a desenvolver e, na altura certa, passe a planta da pequena sementeira para a terra.

Tem um grande jardim? Ótimo: pode usar maior quantidade e variedade de espécies.

Tem um pequeno pátio, uma varanda ou só lhe resta o parapeito da janela? Então há que ajustar o tamanho da horta que, em última hipótese, pode dispersar-se por pequenos vasos.

Há, no entanto, algumas exigências intransponíveis:

  • a terra deve ser leve e rica em nutrientes;
  • o local tem de dispor de luz do sol direta e indireta, para que seja possível adequar a exposição solar à planta;
  • e é imperativo respeitar a necessidade de água de cada espécie, nem que para isso tenha de instalar um pequeno sistema de rega gota-a-gota.

 

Posto isto, há que sublinhar a premissa mais importante: o sucesso das suas plantações vai depender da dedicação que lhes der! 

Saiba o que melhor cresce em vasos

Tomate

Semear e Plantar - Tomate

A menos que viva numa região de clima ameno, vá pelo seguro e plante-os a partir do dia 10 de maio para evitar que não sofram com possíveis geadas tardias. O tomate gosta de muito sol (mínimo de cinco a seis horas). Quanto às variedades, escolha as que têm frutos pequenos caso apenas disponha de um espaço reduzido.

Lembre-se de que folhas a mais fazem com que as plantas tenham menos frutos, por isso os especialistas aconselham a podar alguns rebentos, nomeadamente os que se formam no ângulo das folhas. Os tomateiros pedem alimento extra: se usar um adubo orgânico, mineral, coloque-o a alguns centímetros de profundidade; se optar por um adubo líquido – que age muito rápido – tenha em atenção a dosagem para que as pontas das folhas não fiquem queimadas.

Alface

Semear e Plantar - Alfaces

Se precisássemos de argumentos extra para semear alface na nossa horta, poderíamos sempre lembrar que é rica em vitamina A, C, e K, além de ter propriedades calmantes.

Podemos cultivá-las o ano inteiro, mas é preciso cuidados redobrados com as geadas e o calor em excesso, por isso a primavera é a época ideal! Preferem sombra a sol, e querem água abundante de forma a que a terra esteja sempre húmida. Se plantar alfaces em vasos, escolha o tamanho – ou o número de vasos, em conformidade com os seus hábitos de consumo, sabendo que, de profundidade, o recipiente deverá ter, pelo menos, 15cm.  Se plantar mais do que um pé em cada vaso, deixe uma distância de 10cm entre pés

Quando o olho começa a espigar é sinal de que a devemos cortar rente ao solo para encorajar a renovação de folhas.

Espinafre e cenoura

Semear e Plantar - Cenouras

Os espinafres crescem bem em sombra parcial e dão-se em qualquer tipo de espaço. Caso não tenha um canteiro, opte por vasos com pelo menos 15 a 20cm de profundidade.

A partir da primavera, mantenha os espinafres num local onde recebam alguma sombra, especialmente à tarde.

As cenouras apreciam rega regular, caso contrário as raízes secam e quebram. Se não lhes der espaço para crescer irá colher cenouras baby! 

Legumes camaradas

Legumes camaradas

O companheirismo quer-se também na horta

As plantas interagem entre si. Da observação dos efeitos positivos e negativos dessa interação foi sendo criado um padrão e estabelecidas regras do que deve ou não ser plantado em conjunto.

É sabido que há legumes que, quando plantados juntos, oferecem melhores colheitas. Por exemplo, às alfaces, que sofrem com sol em excesso, deve associar-se uma planta mais alta que possa dar um pouco de sombra, como os tomates ou pimentos.  

A seleção do que plantar com base no princípio do companheirismo é especialmente importante em espaços exíguos, quando os legumes estão muito juntos.

Por exemplo, as couves devem ser rodeadas de plantas com folhas largas mas pouco exigentes em alimento. Já os nabos, rabanetes ou rúcula – sensíveis a pragas comuns – devem ser cultivados longe umas das outras para evitar o efeito dominó, caso uma dessas culturas seja atingida por uma praga. 

descobrir mais